Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

neri-site
No comando: PROGRAMA MANHÃ 87 – LOCUTOR NERI NETO

Das 07:00 as 10:00

site-andrey
No comando: PROGRAMA CONEXÃO 87 – LOCUTOR ANDREY SALLES

Das 10:00 as 12:00

a-hora-do-forro-site-joao-bahiano
No comando: A HORA DO FORRÓ – LOCUTOR JOÃO BAHIANO

Das 12:00 as 13:00

jornal
No comando: JORNAL 87 FM NOTÍCIAS

Das 12:30 as 14:00

carvalho-de-justica-site
No comando: PROGRAMA CARVALHO DE JUSTIÇA – PASTOR JOSÉ ROBERTO

Das 13:00 as 15:00

val-silva-show-site
No comando: PROGRAMA VAL SILVA SHOW

Das 17:00 as 19:00

General Silva e Luna é confirmado no comando da Petrobras

Compartilhe:
O Diretor-Geral da Itaipu Binacional, Joaquim Silva e Luna, participa de audiência pública na comissão de minas e energia da Câmara dos Deputados.

O nome do general Joaquim Silva e Luna foi confirmado para o cargo de presidente da Petrobras. A informação foi divulgada nesta sexta-feira (16) pela estatal. Silva e Luna foi indicado pelo presidente Jair Bolsonaro em substituição ao economista Roberto Castello Branco, que se desligou da empresa.

A decisão foi formalizada pelo Conselho de Administração da estatal, que elegeu Silva e Luna, além de aprovar outros nomes para compor a Diretoria Executiva. Rodrigo Araujo Alves foi escolhido como diretor executivo Financeiro e de Relacionamento com Investidores; Cláudio Rogério Linassi Mastella, diretor executivo de Comercialização e Logística; Fernando Assumpção Borges, diretor executivo de Exploração e Produção; e João Henrique Rittershaussen, diretor executivo de Desenvolvimento da Produção.

Foram reconduzidos Nicolás Simone, como diretor executivo de Transformação Digital e Inovação; Roberto Furian Ardenghy, diretor executivo de Relacionamento Institucional e Sustentabilidade; e Rodrigo Costa Lima e Silva, diretor executivo de Refino e Gás Natural.

Silva e Luna foi diretor-geral brasileiro da Itaipu Binacional, de fevereiro de 2019 até abril de 2021. É general de exército da reserva e serviu no Ministério da Defesa, de março de 2014 a janeiro de 2019, como secretário-geral e como ministro da Defesa. É graduado pela Academia Militar das Agulhas Negras, na arma de engenharia.

Edição: Nádia Franco Agência Brasil

Deixe seu comentário: